Quinta-feira, 19 de Julho de 2018

Justiça suspende processo seletivo da REME em Dourados

Publicado em: 12/01/2018 08h35

MS em Foco

O processo seletivo que seria realizado para preencher cargos dentro da Rede Municipal de Educação de Dourados, foi suspenso pela juíza substituta da 6ª Vara Cível da Comarca de Dourados, Dileta Terezinha Souza Thomaz. Ela atendeu pedido feito em uma Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público Estadual.

 

Em seu despacho a magistrada determinou também que o município tem que detalhar em um prazo de cinco dias, a quantidade de vagas puras existentes e a posterior nomeação de aprovados no concurso público.

 

Segundo o Dourados News, a juíza entendeu que a prefeitura “não apresentou os relatórios detalhados para fins de apuração efetiva do total de vagas puras no magistério municipal; identificou e exonerou 150 professores contratados irregularmente em vagas puras, apurou provisória e extraoficialmente 71 vagas puras e convocou apenas 53 aprovados em concurso”, menciona decisão.

 

Recentemente o Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação de Dourados tinha denunciado que a prefeitura tinha aberto o processo seletivo para contratação de professores temporários sem comprovar o preenchimento de todas as vagas puras existentes na Rede Municipal de Ensino.

 

No despacho a juíza Dileta Terezinha Souza Thomaz, determinou que caso a prefeitura não apresente as informações e não atenda as solicitações determinadas pela justiça, poderá ser responsabilizada por descumprimento de ordem judicial e incidência em ato de improbidade administrativa.