PUBLICIDADE
PUBLICIDADE


Experiência local será apresentada no 34º Congresso Nacional de Secretarias de Saúde



Aral Moreira - MS - Quarta, 19 de Setembro de 2018
20/06/2018 22h21

Experiência local será apresentada no 34º Congresso Nacional de Secretarias de Saúde

Da Assessoria



Vanussa Caimar Jaroski (à direita), autora da experiência “Inovando o Cuidar e Empoderando Usuários e Familiares em Sofrimentos Psíquicos”, ao lado da secretária municipal de Saúde de Antônio João, Patrícia Magalhães. Foto: Divulgação

Uma experiência do município de Antônio João será compartilhada de 25 a 27 de julho durante o XXXIV Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS), em Belém, no Estado do Pará. O congresso deste ano tem como tema: “15ª Mostra Brasil, aqui tem SUS”. O Congresso dá oportunidade para divulgação de experiências exitosas de secretarias municipais de saúde de todos os estados do país com objetivo de mostrar o SUS que dá certo, experiências bem sucedidas que podem inspirar profissionais de saúde e gestores.

 

Serão cerca de 300 trabalhos apresentados oralmente pelos autores, divididos em salas com a participação do público e de avaliadores. Os melhores projetos por região serão premiados com o valor de R$ 10 mil reais, os melhores por estado serão registrados em vídeo na próxima temporada dos Webdocs Brasil, aqui tem SUS e os outros premiados por tema e por sala serão contemplados com medalhas e certificados.

 

Antônio João participa desta edição com um trabalho de autoria de Vanussa Caimar Jaroski, servidora da Secretaria Municipal de Saúde, com o título “Inovando o Cuidar e Empoderando Usuários e Familiares em Sofrimentos Psíquicos”. O evento de Belém do Pará será marcado pela comemoração dos 30 anos do CONASEMS, com a história da entidade, desde antes da criação do Sistema Único de Saúde e sua trajetória de enorme importância para a saúde pública do país.

 

Além da experiência exitosa de Antônio João, também estão selecionados outros três trabalhos de Mato Grosso do Sul para o Congresso Nacional. Foram selecionados “Cura da Úlcera de Pé Diabética Com a Medicina Alternativa: Uso de Mel de Abelhas”, de autoria de Marlenis Pozo Perez Pires, da cidade de Deodápolis; “Teste da Orelhinha Fotografado: ‘Som do Amor”, de autoria de Hérica Rocha Okidoi dos Anjos, de Bataguassu; e “Diagnóstico do Perfil Morbimortalidade de Saúde da População de Porto Murtinho-MS: Instrumento de Gestão”, cujo autor é Rodrigo Pereira da Silva, de Porto Murtinho.

 

Para selecionar as quatro experiências foram avaliados os seguintes requisitos: Relevância e aplicabilidade; Ampliação do acesso; Intersetorialidade; Coordenação do cuidado em rede; Caráter inovador; Alinhamento às diretrizes do SUS de equidade e integralidade.




NENHUM COMENTÁRIO



escrever comentário




PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
  • Amoreira25
  • InterPax1

PUBLICIDADE