Execuções continuam e mais um corpo é achado em fazenda na fronteira



Aral Moreira - MS - Domingo, 16 de Dezembro de 2018
28/08/2018 09h43

Execuções continuam e mais um corpo é achado em fazenda na fronteira

Homem morto a facadas foi encontrado por índios na fazenda de um brasileiro na Colônia Cerro Corá’i, a 15 km de Pedro Juan

Campo Grande News



As mortes violentas não param na Linha Internacional entre o Paraguai e Mato Grosso do Sul. Um homem ainda não identificado foi encontrado morto na madrugada de hoje (28) em uma fazenda na Colônia Cerro Corá’i, a 15 km do centro de Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã (MS), a 323 km de Campo Grande.

 

Pelo menos sete pessoas foram executadas nos últimos quatro dias nos arredores de Pedro Juan Caballero, Capitán Bado na fronteira com Coronel Sapucaia e Bella Vista, cidade vizinha de Bela Vista (MS).

 

 

De acordo com o Departamento de Homicídios da Polícia Nacional, o homem moreno com idade aproximada de 25 anos, usando camiseta e bermuda, foi morto com várias facadas e o corpo deixado numa mata ao lado do rio Aquidabán, na fazenda São Sebastião, de propriedade de um brasileiro.

 

Índios que passavam pelo local encontraram o corpo e avisaram a polícia. Um subcomissário da Polícia Nacional disse à rádio Império, de Pedro Juan Caballero, que o homem levou vários golpes de faca e teve a mão direita amputada.

 

 

Além da guerra entre facções criminosas que disputam o controle do tráfico de drogas e de armas na fronteira, a Linha Internacional é marcada por mortes atribuídas a grupos de extermínios. Um deles, denominado “Justiceiros da Fronteira”, é conhecido por matar suspeitos de furtos e roubos.




NENHUM COMENTÁRIO



escrever comentário




PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
  • Amoreira25
  • InterPax1

PUBLICIDADE